shasta 1.jpg

Sobre os Festivais

de Luz:

Os Festivais de Luz do ano são os momentos de maior alinhamento com as energias solares e permitem o fluxo e manifestação de cada um dos Raios de Luz. 

Os Raios de Luz são energias cósmicas derivadas da fonte solar. Cada raio está ligado a uma das constelações e signos do zodíaco e tem uma cor, frequência e qualidade específica da

consciência superior.

A cada mês, o sol entra no campo de energia de um dos Raios e no momento da lua cheia, esse Raio é refletido de forma mais intensa na Terra. 

Dessa forma, em cada lua cheia do ano, ocorre um grande derramamento de luz e energias de bênçãos para a humanidade. 


Nestes festivais, as pessoas que estão conectadas com a Hierarquia cósmica e planetária podem receber várias bênçãos, iniciações e ferramentas dos Mestres Ascensos, Arcanjos e Seres de luz que fazem parte da Egrégora atuante

em cada momento.


Segundo os Mestres da Hierarquia Divina, os Festivais de Luz têm um grande peso na transição da humanidade para a Era de Ouro. Desde o ano de 2002, os Mestres Ascensos passaram a intensificar a manifestação dessas energias em nosso planeta, e a partir de 2006, os Festivais de Luz passaram a ter vital importância no processo de evolução e ascensão da Terra e de seus habitantes. Por isso, é fundamental que os trabalhadores da luz se reúnam e participem dos festivais realizados pelos Mestres da Hierarquia Divina que ainda se encontram encarnados

no planeta Terra.

Até o ano de 2006 o maior e mais importante destes festivais realizados na Terra, era o Festival do Wesak, celebrado por Dr. Joshua David Stone, em Mt Shasta, California, com participação e canalização de Mestra Joanita.


A partir do ano de 2001, em continuidade aos trabalhos do Dr. Joshua,  esta cerimônia passou a ser realizada também no Brasil, pela sua sucessora, Mestra Joanita  (Mestra da Universidade I Am e Ashram da Síntese).

Essas celebrações são consideradas eventos de síntese, o que  significa que são realizados para pessoas de todas as crenças e caminhos espirituais, pois é um momento de união de toda a Hierarquia Divina cósmica e planetária para oferecer bênçãos aos habitantes da Terra.

O objetivo é a integração e manifestação do amor, sabedoria e unidade do todo em suas mais variadas nuances. 
Cada pessoa que participa de um dos festivais é espiritualmente ativada no seu potencial

mais elevado. 

OS FESTIVAIS DOS 7 RAIOS DE LUZ:


O Adonai Gaya foi o primeiro grupo de trabalhadores da Luz a realizar os 7 festivais de luz, de forma integrada e totalmente direcionada pelos mestres dos 7 raios na Terra. Isso é uma benção grandiosa, tanto individual quanto coletivamente.


A realização dos Festivais de Luz trouxe uma consciência incrível para aqueles que participaram dos mesmos, e foi uma grande facilitação para que os discípulos de luz galgassem degraus mais altos em suas jornadas iniciáticas.

OS FESTIVAIS DOS RAIOS SUPERIORES:


No ano de 2006, o Adonai Gaya realizou  pela primeira vez, o festival do 8º raio de luz, trazendo a energia desse raio superior, pela primeira vez, para se manifestar no planeta.

No ano de 2007 foi trazido também ao planeta a manifestação do 9o raio de luz e  o Festival de Luz de Gaya.

Além dos 9 festivais de luz, também são realizados o Festival da Colheita em Shamballah e 2 tributos à Linhagem Sagrada que são tradição do Adonai Gaya: Tributo à Maria Madalena e Santa Sarah.

A participação nos Festivais de Luz, além de ser um trabalho de suma importância para o processo de desenvolvimento espiritual e ascensional, é também um serviço de luz que o indivíduo presta ao planeta e à Hierarquia de Luz.

Aproveitem essas oportunidades de luz!!!

pedra bau 2.jpg

Os Festivais de Luz do ano:

Atualmente existem 9 Festivais, dos Raios de Luz que estão em atividade na Terra.

 

Cada um deles trabalha energias e atributos específicos.

Porém, a cada ano, cada Festival traz uma energia específica, de acordo com a configuração do momento.

 


FESTIVAL DO PRIMEIRO RAIO DE LUZ:

 

Festival da Páscoa: Lua Cheia de Áries

Esse é o primeiro festival de luz do ano e está relacionado ao signo de Áries. Representa o Festival do Pai e trabalha a energia da morte e ressurreição.

Os atributos do primeiro Raio são:  fé, poder pessoal, proteção, coragem, firme propósito, vitória, vontade e determinação.

 

FESTIVAL DO SEGUNDO RAIO DE LUZ:

Festival do Wesak: Lua Cheia de Touro

Esse Festival está associado à energia do signo de Touro.

É o Festival da iluminação de Buddha.

Trabalha a energia da ascensão, amor, iluminação.

Ancora a energia e atributos do segundo Raio: sabedoria, amor, consciência, ascensão, coerência, tolerância, compreensão, centramento, maturidade, fertilidade, intuição, beleza, conexão com a divindade.

 

FESTIVAL DO TERCEIRO RAIO DE LUZ:

Festival da Humanidade: Lua Cheia de Gêmeos

É o Festival do Mahachoan (atualmente St. Germain).

Trabalha a ancoragem da ascensão através da energia do 3o raio: inteligência  ativa.

Trabalha a ancoragem da ascensão através dos atributos  da inteligência divina, conexão com o fluxo, inteligência ativa,  adaptação, coletividade, unidade.

FESTIVAL DO QUARTO RAIO DE LUZ

Lua cheia de Câncer:

Esse Festival trabalha e ensina sobre a dualidade e o conflito entre o espírito e a matéria, a mente e o coração, a alma e o ego.

Um dos grandes ensinamentos desse Raio é que para gerar a harmonia, é preciso que a pessoa saiba passar e vivenciar o conflito de forma adequada.

Os atributos do 4o Raio são: harmonia através do conflito, ver a beleza em todas as coisas, criatividade artística, expressão da divindade através da arte, pureza, balanço, ritmo, sensibilidade perceptiva, simpatia.

 

FESTIVAL DO QUINTO RAIO DE LUZ

Lua cheia de Leão: 

 

Esse é o Raio da ciência, cura, verdade, pesquisa e razão.

A energia desse Raio coloca em evidência a capacidade e atividade mental.

É o Raio da razão, mente concreta, intelecto, bom senso, pesquisa, estratégia, mente analítica e dedutiva, justiça, veracidade.

O 5º Raio é também o raio da cura, em todos os níveis.

FESTIVAL DO SEXTO RAIO DE LUZ

Lua cheia de Virgem:

 

Este é o Raio da devoção, religiosidade, compaixão, paz, idealismo, reverência, desapego, serviço.

Trabalha a capacidade de ajudar as pessoas a transcenderem a matéria e se abrirem para a consciência superior da religiosidade.

O sexto Raio ensina a elevar o espírito para a sabedoria divina e equilibrar os interesses materiais com os objetivos espirituais.

O sexto Raio ensina também a devoção ao ideal espiritual.

 

FESTIVAL DO SÉTIMO RAIO DE LUZ

Lua cheia de Libra:

 

O 7º Raio é o raio da Transmutação e Purificação.

O sétimo Raio traz o princípio da transmutação e está ligado à Chama Violeta.

Uma das tarefas desse Raio é instruir a humanidade sobre a libertação, transmutação e transformação através dessa grande ferramenta.

O sétimo Raio ajuda a integrar o céu e a terra, firmando a espiritualidade no mundo físico e material. Os atributos desse Raio são: transmutação, libertação,  ritualística, magia, alquimia, ordem cerimonial, diplomacia, tato, dignidade, manifestação, cortesia.

 

FESTIVAL DO OITAVO RAIO DE LUZ

Lua cheia de Escorpião:

 

Este Raio entrou em manifestação no planeta no ano de 2006, e é de extrema importância que os discípulos de luz auxiliem na expansão do mesmo na Terra.

O oitavo Raio trabalha com as energias de purificação profunda, renovação, regeneração, limpeza profunda, magnetismo, sexualidade.

Trabalha a energia das sombras e dos poderes ocultos e inconscientes.

 

FESTIVAL DO NONO RAIO DE LUZ

Lua cheia de Sagitário:

Esse Raio entrou em manifestação no planeta no ano de 2012.

É o Festival de Luz de Gaya.

Trabalha a alegria no serviço espiritual e a beleza da vida na Terra. Traz a consciência da missão de luz em Gaya.

Trabalha com a união dos reinos e a consciência de reverenciar a Mãe Terra e seus ciclos. Traz os atributos da alegria no serviço, consciência dos ciclos de Gaya, conexão com a natureza e os reinos de Gaya. Trabalha a ponte para uma realidade superior.

FESTIVAL DA COLHEITA:

Esse é o Festival de luz realizado em Shamballah para fazer a colheita do ano com Lord Buddha (o atual logos planetário) e toda a Hierarquia de Luz da Terra.

TRIBUTOS:

 

Também são realizados 2 Tributos à Linhagem Sagrada, que são tradição do Adonai - Ashram de Gaya:

 

 - Festival de Maria Madalena

- Ritual de Santa Sarah